Women's Ericeira World Junior Championships

Melanie Giunta fica em quinto lugar no Mundial Junior da WSL

WSL South America

Semifinalistas decididas em Ericeira
Muita ação no dia de hoje com as baterias das meninas

Leer en español

Foram realizadas dez baterias para definir as classificadas para as semifinais e a peruana Melanie Giunta acabou eliminada em quinto lugar no último duelo do dia. Ela chegou a despachar uma top do CT, Chelsea Tuach, de Barbados, mas depois perdeu nas quartas de final para a australiana Isabella Nichols. As quatro que vão decidir o título mundial Pro Junior de 2015 da World Surf League são a atual campeã, Mahina Maeda, do Havaí, a portuguesa Teresa Bonvalot e as australianas Holly Wawn e Isabella Nichols.

A peruana Melanie Giunta era a última esperança para a conquista de um inédito título mundial da América do Sul na categoria feminina para surfistas com até 20 anos de idade. Ela disputou três baterias nas ondas pequenas da quinta-feira na Praia dos Pescadores. Na primeira rodada classificatória para as quartas de final, ficou em segundo na disputa vencida pela mesma Isabella Nichols. A peruana aproveitou a segunda chance surpreendendo uma das novidades na elite feminina do CT 2016, Chelsea Tuach, derrotando a surfista de Barbados por 13,50 a 8,67 pontos.

Melanie Giunta (PER) Ericeira World Junior 2016 Melanie Giunta (PER) - WSL / Poullenot/Aquashot

Depois voltou a encarar Isabella Nichols nas quartas de final e perdeu de novo, terminando em quinto lugar no Ericeira WSL World Junior Championships. Melanie só conseguiu surfar uma onda boa que valeu nota 7,0 e a australiana teve mais sorte na escolha para computar duas notas 7,33 e ainda descartar 6,33, 6,70 e 6,83. O placar foi encerrado em 14,66 a 12,43 pontos. Com a vitória, Nichols vai fazer um duelo australiano com Holly Wawn para definir a segunda finalista do Mundial Pro Junior da World Surf League em Portugal.

Holly Wawn foi o destaque da quinta-feira na Praia dos Pescadores. Ela estabeleceu novos recordes para o campeonato com os 17,53 pontos das notas 9,50 e 8,03 recebidas numa bateria eletrizante com a havaiana Dax McGill, que atingiu 16,10 pontos com notas 8,43 e 7,67. Já a disputa pela primeira vaga na grande final terá a defensora do título, Mahina Maeda, contra a portuguesa Teresa Bonvalot. Maeda já tirou uma surfista de Portugal nas quartas de final, Camilla Kemp, logo depois de Bonvalot despachar a norte-americana Tia Blanco.

Holly Wawn (AUS) Ericeira World Junior 2016 Holly Wawn (AUS) - WSL / Poullenot/Aquashot

MASCULINO ADIADO - Enquanto a categoria feminina já definiu as quatro semifinalistas, a masculina continua parada na repescagem com todos os 48 participantes do Ericeira WSL World Junior Championships ainda vivos na briga do título mundial. Dos oito integrantes da equipe sul-americana da WSL South America, apenas os catarinenses Yago Dora e Alcides Lopes estrearam com vitórias e passaram direto para a terceira fase.

Os outros quatro brasileiros e os dois peruanos perderam e terão que disputar a segunda chance de classificação na primeira rodada eliminatória do Mundial Pro Junior da World Surf League em Portugal. O bicampeão sul-americano Sub-20 da WSL South America, Deivid Silva, vai abrir a repescagem com o japonês Yuji Mori e o peruano Juninho Urcia entra na segunda bateria com o costa-ricense Noe Mar McGonagle.