Praia do Forte Pro

Definidas semifinais do Oi apresenta Praia do Forte Pro

WSL South America

Este sábado (30) foi de decisão no QS 1500 Praia do Forte Pro apresentado pela Oi. Com boa presença do torcedor na praia do Papagente, no município de Mata de São João, litoral norte da Bahia, foram definidos os confrontos das semifinais no masculino e no feminino. Os destaques do dia entre os homens foram os baianos Marco Fernandez e Bino Lopes, que quebraram recordes de pontuação na competição.

Bino Lopes (BRA) - Oi Praia do Forte Pro Bino Lopes (BRA) - WSL / Luca Castro / Taurus Comunicação

O primeiro a levantar a galera foi Fernandez, atual número 21 do QS ranking. Na primeira onda da primeira bateria do dia, ele mostrou porque é um dos favoritos ao título. Arrancou uma nota 9.00 dos juízes após sequência de manobras de alto grau de dificuldade e, com isso, abriu vantagem significativa para Miguel Pupo, único top do CT na competição. Pela oitava onda na bateria, o "menino de Arembepe-BA" recebeu 8.00 pontos, fazendo a melhor somatória, até então, da competição.

"Foi realmente uma bateria incrível. Apostei na direita, enquanto o Pupo ficou na esquerda. Acabei me dando melhor, as ondas apareceram e consegui fazer tudo direitinho. Estou muito feliz pelo desempenho e, especialmente, pelo carinho da torcida na areia. Nunca tinha disputado uma competição com tanta gente assim na areia torcendo por mim. A vibração de todos aqui é, realmente, muito especial. Competir em casa está sendo gostoso demais", disse Fernandez.

Marco Fernandez (BRA) - Oi Praia do Forte Pro Marco Fernandez (BRA) - WSL / Luca Castro / Taurus Comunicação

A segunda bateria das quartas de final foi disputada pelo argentino Leandro Usuna e pelo brasileiro Robson Santos. O gringo se deu melhor. Nas duas primeiras ondas da bateria, Usuna abriu vantagem e conseguiu segurar até o final, com a somatória com 12.25 pontos contra 11.00 do brasileiro.

Na comemoração, o argentino voltou a lembrar do seu povo. "Para mim, é um orgulho representar a Argentina desta forma. Estou muito feliz porque não é nada fácil competir em qualquer competição no Brasil, já que os brasileiros estão demonstrando serem os melhores do mundo", pontuou.

Jesse Mendes (BRA) - Oi Praia do Forte Pro Jesse Mendes (BRA) - WSL / Luca Castro / Taurus Comunicação

A bateria seguinte foi de quebra de recorde, novamente, na competição. Empurrado pela torcida local e mostrando intimidade com a onda, Bino Lopes somou 17.40 pontos para avançar às semifinais do Praia do Forte Pro. Ele bateu David do Carmo, que terminou a bateria com 10.10 pontos.

Sobre o nervosismo e o trabalho psicológico feito antes da prova, Bino revelou não ter segredos. "Eu não penso em nada. Apenas me concentro para fazer um bom surfe. Penso somente que tenho que entrar no mar e fazer o que sei. Se isso acontecer, sei que tenho boas chances de ter os resultados esperados. Treino muito para isso. É um trabalho árduo e pesado na busca pelo ideal. Vamos chegar lá. Espero que aqui no PF Pro e com título", disse o confiante Bino Lopes.

Leandro Usuna (ARG) - Oi Praia do Forte Pro Leandro Usuna (ARG) - WSL / Luca Castro / Taurus Comunicação

O último a se garantir nas semifinais foi Jessé Mendes, que com somatória de 13.35 pontos, bateu Franklin Serpa, que se despediu da competição com 12.50. "Estou amarradão de ir para a semifinal. Um evento difícil de tirar nota. E a bateria com o Serpa eu já sabia que seria difícil. Aqui, você precisa de uma onda boa para tirar uma boa nota e foi isso que aconteceu. Eu achei umas ondas que encaixaram mais para mim do que para ele", explicou Mendes.

Com isso, os confrontos das semifinais do Praia do Forte Pro apresentado pela Oi, ficaram dessa forma:

1 Marco Fernandez (BRA) x Leandro Usuña (ARG)

2 Bino Lopes (BRA) x Jessé Mendes (BRA)

Silvana Lima (BRA) - Oi Praia do Forte Pro Silvana Lima (BRA) - WSL / Luca Castro / Taurus Comunicação

FEMININO - O quinto dia de competição também definiu as semifinalistas do feminino. Silvana Lima e Jaqueline Silva, mais uma vez, se destacaram. Ambas somaram 14.00 e agora serão adversárias. Para chegar às semifinais Silvana passou por Larissa Santos, enquanto Jaqueline Silva venceu Taís Almeida.

"Certeza de que teremos uma excelente disputa. Quem vier assistir à semifinal e final não vai se arrepender. Verá um surfe de alta qualidade. Estou muito feliz e sei que todas as meninas também estão por estarem competindo em um lugar lindo como esse e com surfistas de alto rendimento. Eu, particularmente, vim brigar pelo título e é isso que vou buscar", cravou a experiente Silvana Lima.

Silvana Lima (BRA) - Oi Praia do Forte Pro Silvana Lima (BRA) - WSL / Luca Castro / Taurus Comunicação

A outra semifinal será disputada entre Yanca Costa e Nathalie Martins. Yanca passou, com certa tranquilidade, por Monik Santos. Já Nathalie, com uma nota 6.00 na última onda, passou dois décimos e venceu Gilvanilta Ferreira, uma das favoritas ao título.

Neste domingo (1), a chamada para avaliação das condições do mar acontece às 9h. Todas as baterias terão transmissão, ao vivo, pelo www.worldsurfleague.com

Oi apresenta o Praia do Forte Pro junto com o Governo do Estado da Bahia, por meio da SETRE (Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte - Programa Faz Atleta), que ainda conta com o patrocínio da Billabong, Tivoli Eco Resort Praia do Forte, Skol Ultra e Prefeitura de Mata de São João, além do apoio da Federação Baiana de Surf, da Associação de Surf da Praia do Forte, ZooM Comunicação, Gocil e Turisforte.

×
World Surf League
Official App
Free – Google Play
Get it