NewsBillabong Pipe MastersAdriano de Souza

Medina perde para Pupo na abertura do Pipe Masters

A segunda-feira amanheceu com as s√©ries bombando tubos de 8-10 p√©s em Pipeline e Backdoor para come√ßar o Billabong Pipe Masters no quarto dia do prazo da decis√£o do t√≠tulo do World Surf League Championship Tour 2017 no Hava√≠. Dos quatro concorrentes, o l√≠der John John Florence e o n√ļmero 3 do ranking, Jordy Smith, estrearam com vit√≥rias e passaram direto para a terceira fase. Julian Wilson foi o primeiro a ser mandado para a repescagem e o vice-l√≠der, Gabriel Medina, perdeu na bateria que Miguel Pupo surfou o tubo mais incr√≠vel do dia em Banzai Pipeline, ganhando nota 10 de tr√™s dos cinco ju√≠zes, com a m√©dia ficando em 9,93. Caio Ibelli foi o outro √ļnico brasileiro a vencer na segunda-feira e outros dois ainda v√£o competir nos confrontos da primeira fase que ficaram para abrir a ter√ßa-feira no Hava√≠.

Miguel Pupo of Brazil advances directly to Round Three of the 2017 Billabong Pipe Masters after winning Heat 5 of Round One at Pipe, Oahu, Hawaii, USA.  Pupo caused an upset in Round One when he defeated World No.2 Gabriel Medina (BRA). Miguel Pupo WSL / Damien Poullenot

"Fiquei feliz por ter vindo aquela onda animal pra mim", disse Miguel Pupo, que mesmo com a maior nota do dia, só conseguiu confirmar a vitória no minuto final da bateria toda liderada pelo havaiano Benji Brand. "Eu estava tentando pegar as direitas do Backdoor e acabou vindo esse tubaço em Pipeline, o que foi até engraçado porque nem eu esperava. Sempre quando você consegue uma nota alta assim, todos sabem que você pode fazer outra. Eu bem que tentei isso, mas não tinha muitas oportunidades para surfar lá fora. Eu meio que cai em algumas ondas, cometi alguns erros, mas finalmente consegui esse tubo no final pra vencer".

Um grande p√ļblico lotou a praia para assistir a primeira apresenta√ß√£o dos melhores surfistas do mundo no maior palco do esporte. As primeiras tentativas de surfar os tubos de Pipeline foram do potiguar Jadson Andre na bateria que abriu o Billabong Pipe Masters 2017 em mem√≥ria a Andy Irons. No entanto, ele n√£o conseguia sair da maioria e o franc√™s Jeremy Flores completou os melhores para vencer por apenas 10,17 pontos nas duas notas computadas.

Jordy Smith of South Africa, a World Title contender advances directly to Round Three of the 2017 Billabong Pipe Masters after winning Heat 4 of Round One at Pipe, Oahu, Hawaii, USA. Jordy Smith WSL / Kelly Cestari

As ondas fant√°sticas que todos viram no in√≠cio da manh√£, j√° n√£o estavam t√£o consistentes quando come√ßaram as baterias. Somente na terceira, o n√ļmero 4 do ranking, Julian Wilson, surfou um tubo muito bom que valeu nota 8,00, mas j√° havia cometido uma interfer√™ncia e foi derrotado por Conner Coffin somando 6,33 com 4,23. O norte-americano √© o pen√ļltimo colocado no grupo dos 22 primeiros do ranking que s√£o mantidos na elite e precisa de um bom resultado para confirmar sua perman√™ncia para o ano que vem.

Na disputa seguinte, o √ļltimo do G-22, Bede Durbidge, tamb√©m perdeu para o terceiro do ranking, Jordy Smith, que come√ßou bem, achando um tuba√ßo no Backdoor nota 8,67. O sul-africano logo tirou 7,90 em outro bom tubo para fazer o maior placar do dia, 16,57 pontos. O Brasil voltou ao mar no confronto seguinte e em dose dupla, com Gabriel Medina e Miguel Pupo estreando juntos com o havaiano Benji Brand. E o surfista que ganhou uma das duas vagas de convidados no Pipe Invitational disputado na sexta-feira, largou na frente com um tubo 7,17 e liderou toda a bateria.

Miguel Pupo of Brazil advanes to round three after placing first in round one heat 5 of the 2017 WSL Billabong Pipe Masters at Pipeline, Oahu, Hawaii, USA Miguel Pupo WSL / Tony Heff

MELHOR TUBO - Mesmo depois de Miguel Pupo surfar o tubo mais incr√≠vel da segunda-feira numa morra de 10 p√©s nas esquerdas de Pipeline. Ele dropou a onda de cabe√ßa pra baixo, j√° botando pra dentro de um tuba√ßo, sumiu na cortina d¬ī√°gua e saiu na baforada para arrancar nota 10 de tr√™s dos cinco ju√≠zes. Um deles foi cortado com a mais baixa e a m√©dia das outras tr√™s notas ficou em 9,93. Como ele tinha meio ponto da sua primeira tentativa de pegar um tubo, o havaiano Benji Brand permanecia na frente com as notas 4,67 e 7,17 das suas primeiras ondas e Medina em √ļltimo sem surfar nada h√° 15 minutos do fim da bateria.

O havaiano ainda pegou outro tubo no Backdoor que valeu 5,10 para aumentar a pequena vantagem sobre Miguel Pupo para 2,34 pontos apenas, enquanto Medina continuava em √ļltimo com uma combina√ß√£o de duas ondas para vencer. Mas, isso s√≥ at√© ele tamb√©m sumir dentro de um tubo nas esquerdas de Pipeline, sair na baforada e receber nota 8,50 dos ju√≠zes. Com isso, passou a precisar de apenas 3,77 nos 10 minutos finais da bateria. Ele logo entra em outro tubo profundo em Pipe, mas n√£o consegue sair.

World No.2 on the Jeep Leaderboard and 2014 World Champion Gabriel Medina of Brazil  will surf in Round Two of the 2017 Billabong Pipe Masters after placing third in Heat 5 of Round One at Pipe, Oahu, Hawaii, USA.  Third placing was a shock defeat for the Gabriel Medina WSL / Damien Poullenot

J√° o havaiano pega a onda de tr√°s e completa um tubo menor, ganhando 5,47 dos ju√≠zes para aumentar o seu placar para 12,64 pontos, deixando Pupo precisando de 2,71 e Medina de 4,14 quando soou o sinal dos √ļltimos 5 minutos da bateria. Pupo falha na primeira tentativa e a prioridade de escolha da pr√≥xima onda fica para Medina. Ele pega um tubo nas direitas do Backdoor, se encaixa l√° dentro, sai espremido da onda pequena, faz mais uma manobra e recebe 3,93, ou seja, perdeu a chance de conseguir os 4,14 pontos que precisava.

No √ļltimo minuto, os brasileiros dropam na mesma onda, Medina vai para o Backdoor que n√£o rodou o tubo, mas Pupo acha um nas esquerdas de Pipeline e tira 4,90 para conquistar a primeira vit√≥ria brasileira por 14,83 pontos. Pupo √© o 23.o colocado no ranking e precisa passar mais uma bateria para entrar na zona de classifica√ß√£o para o CT 2018, pois no momento est√° perdendo sua vaga na elite. J√° Gabriel Medina ter√° que disputar a repescagem e seu advers√°rio na primeira eliminat√≥ria do campeonato ser√° o havaiano Dusty Payne, derrotado por John John Florence na bateria seguinte a do primeiro campe√£o mundial do Brasil.

World No.1 on the Jeep Leaderboard and reigning World Champion John John Florence of Hawaii advances directly to Round Three of the 2017 Billabong Pipe Masters after winning Heat 6 of Round One at Pipe, Oahu, Hawaii, USA. John John Florence WSL / Damien Poullenot

"A pressão pela requalificação é grande, mas dei o primeiro passo", disse Miguel Pupo. "Eu estou com minha família aqui comigo e toda vez que vejo minha filha, essa pressão meio que desaparece. Fico pensando nela, como ela está feliz, então estar no Havaí com minha esposa também, alivia bastante essa pressão e ela vai embora quando estou com elas. Sei que o Medina está aqui disputando o título mundial, mas só tentei fazer o meu melhor, fazer o meu trabalho bem feito e eu preciso de um bom resultado para ficar no CT também".

N√öMERO 1 - O n√ļmero 1 do Jeep WSL Leader tamb√©m parecia tenso antes de entrar no mar, mas l√° dentro John John Florence surfou tranquilo e pegou os melhores tubos da bateria para vencer por 13,50 pontos, contra 6,83 de Dusty Payne e 5,63 do brasileiro Wiggolly Dantas, que est√° na briga pelo t√≠tulo da Tr√≠plice Coroa Havaiana e tamb√©m tenta garantir sua vaga no CT, pois chegou no Hava√≠ em 24.o no ranking. Agora, se John John vencer mais uma bateria, j√° tira Julian Wilson da briga pelo t√≠tulo mundial, obriga Gabriel Medina a chegar na final do Pipe Masters e Jordy Smith a vencer o campeonato. A cada vit√≥ria, o havaiano vai dificultando as chances dos concorrentes na sua busca pelo bicampeonato mundial consecutivo.

Caio Ibelli of Brazil advances directly to Round Three of the 2017 Billabong Pipe Masters after winning Heat 7 of Round One at Pipe, Oahu, Hawaii, USA. Caio Ibelli WSL / Damien Poullenot

"Eu me senti como uma criança novamente, apenas tentando pegar os tubos lá fora", disse John John Florence, que comentou sobre o enorme apoio da torcida em casa. "Todo esse suporte aqui me deixa ainda mais animado. Acabei de descer a praia mais cedo e todos gritando, isso só me deixa mais motivado. Entrar em Pipe este ano está sendo muito diferente do ano passado, porque no ano passado estava mais relaxado com o título mundial já conquistado em Portugal. Então, este ano é uma preparação um pouco diferente, porque o título ainda está em jogo, mas sempre sonhei em disputar o título aqui".

VIT√ďRIA BRASILEIRA - Depois da praia ficar lotada para torcer para John John Florence, aconteceu outra bateria com participa√ß√£o dupla do Brasil. Assim como na primeira, o campe√£o mundial foi derrotado, com Adriano de Souza sendo batido por Caio Ibelli por 12,83 a 11,27 pontos. Mineirinho tamb√©m vai ter que encarar a primeira repescagem para chegar na terceira fase do Billabong Pipe Masters e ser√° num confronto brasileiro com o potiguar Jadson Andr√©. A praia encheu novamente na bateria seguinte, para assistir a volta de Kelly Slater √†s competi√ß√Ķes. E ele n√£o decepcionou a torcida, pegando bons tubos para derrotar o l√≠der da Tr√≠plice Coroa Havaiana, Kolohe Andino, por 12,47 pontos.

2014 World Champion, Adriano de Souza of Brazil will surf in Round Two of the 2017 Billabong Pipe Masters after placing second in Heat 7 of Round One at Pipe, Oahu, Hawaii, USA. Adriano de Souza WSL / Damien Poullenot

As condi√ß√Ķes do mar j√° estavam bem prejudicadas nessa hora, com poucas ondas boas tanto nas esquerdas de Pipeline como nas direitas do Backdoor. A nona bateria acabou sendo a √ļltima do dia, porque Filipe Toledo e o defensor do t√≠tulo do Billabong Pipe Masters, Michel Bourez, simplesmente n√£o conseguiram completar nenhum tubo. Ambos terminaram com apenas 2,00 pontos em duas tentativas e o havaiano Ezekiel Lau passou para a terceira fase com apenas 10,50 nas duas notas computadas.

Os comiss√°rios da World Surf League decidiram paralisar a competi√ß√£o e marcar uma nova chamada para a d√©cima bateria para as 14h00 no Hava√≠, 22h00 em Bras√≠lia. No entanto, as condi√ß√Ķes do mar n√£o melhoraram e a estreia do pernambucano Ian Gouveia, contra o havaiano Sebastian Zietz e o australiano Adrian Buchan, foi adiada para as 7h30 da ter√ßa-feira na ilha de Oahu, 15h30 no hor√°rio de ver√£o do Brasil. Al√©m de Ian Gouveia, o potiguar Italo Ferreira √© o outro brasileiro que n√£o competiu na segunda-feira. Ele est√° na bateria que fecha a primeira fase, com o australiano Mick Fanning e o portugu√™s Frederico Morais.

Massive crowd already gathered for the openeing heats of Round One of the 2017 Billabong Pipe Masters at Pipe, Oahu, Hawaii, USA. Crowd WSL / Kelly Cestari

REPESCAGEM - Os primeiros duelos da primeira rodada eliminatória do Billabong Pipe Masters já estão definidos e Gabriel Medina vai abrir a repescagem com o havaiano Dusty Payne, campeão do Pipe Invitational na sexta-feira. Infelizmente, um confronto brasileiro acabou sendo formado na quinta bateria, entre o campeão mundial Adriano de Souza e o potiguar Jadson André, que precisa unicamente da vitória em Pipeline como condição mínima para se manter na elite dos top-34 do CT para o ano que vem. Filipe Toledo está na sétima bateria, mas aguarda o encerramento da primeira fase para conhecer seu adversário.

World Surf League
Download it for free on the App store. Download it for free on Google Play.
Download
Download