NewsCorona Bali Protected

Silvana Lima estreia batendo todos os recordes em Bali

A cearense Silvana Lima se destacou na estreia das meninas no quarto dia do Corona Bali Protected na Indon√©sia. A brasileira bateu todos os recordes da quinta etapa do World Surf League Championship Tour nas direitas de Keramas, surfando um tuba√ßo numa onda que valeu 9,13 e manobrando forte em outra para totalizar 17,73 pontos de 20 poss√≠veis. A ga√ļcha Tatiana Weston-Webb perdeu sua primeira bateria, mas passou pela repescagem e as duas brasileiras v√£o disputar classifica√ß√£o para as quartas de final no CT de Bali.

Silvana Lima (BRA) advances directly to Round 3 of the Women's 2018 Corona Bali Protected after winning Heat 5 of Round 1 at Keramas, Bali, Indonesia. Silvana Lima WSL / Kelly Cestari

Tatiana defende a terceira posi√ß√£o no Jeep Leaderboard e foi escalada na primeira batalha por duas vagas, com a bicampe√£ mundial Tyler Wright e a havaiana Coco Ho. Silvana entra na segunda com a hexacampe√£ e l√≠der do ranking com vit√≥rias nas duas √ļltimas etapas, Stephanie Gilmore, e a tamb√©m australiana Keely Andrew. Nesta terceira fase, as duas primeiras colocadas avan√ßam para as quartas de final e a terceira fica em nono lugar, marcando 3.085 pontos no ranking do WSL Championship Tour.

A quarta-feira amanheceu com ondas menores, de 3-5 pés, mas com ótima formação para as meninas darem um show nas direitas de Keramas. Silvana Lima estreou na quinta bateria do dia contra duas adversárias difíceis de vencer. Mas, escolheu bem suas ondas e pegou uma que rodou um tubo perfeito, a baixinha ficou entocada lá dentro, saiu e ainda fez duas grandes manobras até atacar a junção para finalizar a melhor apresentação do Corona Bali Protected.

Silvana Lima of Brazil won Heat 5 of Round 1 at the Corona Bali Protected, 2018. Silvana Lima WSL / Ed Sloane

"Eu amo Bali e estou muito feliz por estar aqui", disse Silvana Lima. "Eu estava relaxando ainda quando soube que faltavam 3 minutos para a quinta bateria, que era a minha, e eu achava que estava na sexta. Mas, felizmente consegui chegar lá rapidamente para pegar boas ondas e ganhar a bateria. Essas ondas são incríveis e espero surfar algumas mais perfeitas ainda na minha próxima bateria".

A hexacampe√£ mundial Stephanie Gilmore j√° tinha surfado um tuba√ßo que valeu nota 9,0, mas Silvana ainda fez dois longos cutbacks para ganhar 9,13 dos ju√≠zes. A cearense ainda achou outra boa onda para fazer uma s√©rie de batidas e rasgadas muito fortes, com uma velocidade incr√≠vel, para somar 8,60 no placar de 17,73 pontos. A tricampe√£ mundial Carissa Moore ficou em segundo lugar com 13,94 e a californiana Courtney Conlogue em √ļltimo com 11,17.

Tatiana Weston-Webb (HAW) will surf ing Round 2 of the Women's 2018 Corona Bali Protected after placing second in Heat 2 of Round 1 at Keramas, Bali, Indonesia. Tatiana Weston-Webb WSL / Kelly Cestari

Enquanto Silvana passou direto para a rodada classificat√≥ria para as quartas de final, a ga√ļcha Tatiana Weston-Webb teve que buscar sua vaga na repescagem. Ela competiu no segundo confronto da quarta-feira, quando a jovem americana Caroline Marks, 16 anos, fez as marcas a serem batidas no Corona Bali Protected, nota 8,33 com um ataque vertical de backside nas direitas de Keramas e 16,00 pontos. Silvana Lima foi a √ļnica a superar esse placar.

Tatiana tamb√©m mostrou a for√ßa do seu backside na sua segunda e √ļltima chance de classifica√ß√£o para a terceira fase. Ela voltou ao mar para disputar a pen√ļltima bateria do dia e achou boas ondas para vencer por 12,00 a 9,00 pontos a norte-americana Courtney Conlogue, que est√° voltando de uma contus√£o que a tirou das quatro primeiras etapas da temporada.

Tyler Wright of Australia won Heat 1 of Round 2 at the Corona Bali Pro, 2018. Tyler Wright WSL / Ed Sloane

Além de Tatiana, também se recuperaram das derrotas na primeira fase a bicampeã mundial Tyler Wright, a tricampeã Carissa Moore, a vice-líder do ranking deste ano, Lakey Peterson, Sally Fitzgibbons e Sage Erickson, que conquistou a primeira vaga da repescagem, que fechou a quarta-feira na Indonésia. Na quinta-feira, a primeira chamada do dia, às 6h30 horas em Bali, 19h30 da quarta-feira no Brasil, é para a terceira fase das duas categorias.

CARIOCA PORTUGUESA - Uma terceira brasileira também competiu no Corona Bali Protected, a carioca Carol Henrique, que passou a defender Portugal no Circuito Mundial depois que mudou para lá. Ela seguiu os passos do seu irmão, Pedro Henrique, primeiro campeão mundial Pro Junior do Brasil no ano 2000 e que já fez parte da elite mundial, antes de mudar de nacionalidade. Carol foi campeã europeia em 2017 e entrou no evento vencendo a triagem.

6X World Champion and the Jeep Leader, Stephanie Gilmore (AUS) advances directly to Round 3 of the Women's 2018 Corona Bali Protected after winning Heat 3 of Round 1 at Keramas, Bali, Indonesia. Stephanie Gilmore WSL / Kelly Cestari

Por n√£o ser da elite das top-17, acabou enfrentando as melhores surfistas da temporada. Sua primeira bateria foi logo contra a hexacampe√£ mundial Stephanie Gilmore, com sua lycra amarela do Jeep Leaderboard. E na repescagem foi eliminada pela vice-l√≠der, Lakey Peterson, √ļnica surfista que briga pelo primeiro lugar no ranking com a australiana nesta etapa.

World Surf League
Download it for free on the App store. Download it for free on Google Play.
Download
Download