WSL
NewsSouth America

A WSL celebra o Dia Internacional da Mulher com mesa redonda sobre igualdade no Circuito Mundial

A World Surf League anunciou v√°rias iniciativas importantes para celebrar o Dia Internacional da Mulher, comemorado em 08 de mar√ßo. A igualdade na premia√ß√£o para homens e mulheres foi o assunto principal da mesa redonda realizada na Calif√≥rnia e liderada pela Deputy Commissioner da WSL, Jessi Miley-Dyer, contando com a participa√ß√£o das surfistas do CT, Carissa Moore, Lakey Peterson, Courtney Conlogue, Caroline Marks e a brasileira Tatiana Weston-Webb. O di√°logo aberto e sincero focou na igualdade da premia√ß√£o nesta nova temporada, a competitividade entre as meninas, a imagem corporal e o quanto a WSL tem feito para valorizar a categoria feminina nos √ļltimos anos.

Women's Round Table Women's Round Table WSL / Brady Lawrence

"A imagem corporal tem sido a coisa mais dif√≠cil, mas acho que j√° percorremos um longo caminho", disse a tricampe√£ mundial Carissa Moore. "Mais do que nunca, n√≥s agora estamos sendo muito mais apreciadas pelo nosso corpo atl√©tico e pelas performances dentro d¬ī√°gua. Existem algumas listas das mais lindas por a√≠ e √© dif√≠cil quando voc√™ n√£o sabe quem as cria, mas acho que voc√™ perceber que n√£o pode se abalar por essas coisas vem com a maturidade, pois acredito que a defini√ß√£o de beleza vem de dentro de n√≥s".

"Eu sempre me sinto muito feminina surfando e você precisa ser autêntica para si mesma, não importa o que aconteça com os altos e baixos da vida", disse Courtney Conlogue. "No começo da minha carreira, eu tinha que ganhar para realmente vencer na vida e se eu não ganhasse, teria que voltar para a faculdade".

A campanha global de marketing da World Surf League, "Every Wave for Everyone" (Cada Onda para Todas), que ser√° lan√ßada neste ver√£o, a partir deste dia 7 de mar√ßo, mostrar√° muitas mulheres surfistas que serviram de inspira√ß√£o para v√°rias gera√ß√Ķes do esporte. O conte√ļdo aparecer√° nas m√≠dias sociais da WSL e das atletas compartilhando este momento √ļnico de igualdade entre homens e mulheres.

Kelly Slater (USA) finished with a point total of 16.27 (out of a possible 20.00) at the 2018 Surf Ranch Pro in Lemoore, CA, USA. Kelly Slater WSL / Sean Rowland

"Eu apoiei completamente a decis√£o da WSL de pagar a mesma premia√ß√£o aos competidores masculinos e femininos e acredito que esta foi a melhor mensagem de igualdade que poderia haver", disse o onze vezes campe√£o mundial, Kelly Slater. "A WSL considerando todos os seus atletas igualmente, valoriza bastante os nossos eventos. Eu vejo isso como uma vit√≥ria para todos e faz com que o "Every Wave for Everyone" seja facilmente identific√°vel. √Č um prazer ver mais apoio do que nunca para as mulheres pelo nosso corpo diretivo".

A primeira etapa do World Surf League Championship Tour (CT) com premia√ß√£o igual para todos ser√° realizado neste m√™s de abril em Queensland, na Austr√°lia, onde a WSL tamb√©m ir√° lan√ßar um programa global de compromisso para as mulheres chamado "Rising Tides - WSL Girls Program". Esse programa especial das meninas vai oferecer cl√≠nicas em cada etapa do CT feminino para inspirar as pr√≥ximas gera√ß√Ķes do sexo feminino.

Sofia Mulanovich - Maui and Sons Pichilemu Women's Pro by Royal Guard Sofia Mulanovich WSL / Luiz Barra

Uma nova s√©rie de conte√ļdo tamb√©m ser√° inaugurada esse ano, a "WSL Heritage Series", que contar√° com mulheres not√°veis no esporte - trailblazers, recordistas e ativistas de vanguarda que ajudaram a pavimentar todo o caminho at√© aqui. A s√©rie incluir√° atletas famosas como as campe√£s mundiais Lisa Andersen e Sofia Mulanovich, bem como algumas pioneiras menos conhecidas do p√ļblico atual, como Pauline Menczer e Sarah Gerhardt.

"Este √© um momento incrivelmente emocionante para o surfe e a WSL tem imenso orgulho em instituir pr√™mios iguais para homens e mulheres em todos os eventos promovidos por n√≥s, tornando-se a primeira liga esportiva global dos Estados Unidos a fazer isso", destacou a CEO da WSL, Sophie Goldschmidt. "√Č uma iniciativa que t√≠nhamos como uma meta de longo prazo para a organiza√ß√£o e esperamos que o resultado dessas discuss√Ķes e a institui√ß√£o da igualdade na premia√ß√£o inspire outras ligas e organiza√ß√Ķes a fazerem o mesmo".

Round Table Edit Round Table Edit WSL

Para assistir a mesa redonda da WSL do Dia Internacional da Mulher, visite o site worldsurfleague.com e para ver imagens sociais do "Every Wave for Everyone" acesse o LINK e confira #everywave. Para imagens selecionadas da mesa redonda, clique em LINK também.

AVAN√áOS NOT√ĀVEIS DA WSL PARA AS MULHERES NO SURFE:

  • anunciou a igualdade na premia√ß√£o entre os g√™neros a partir de 2019, juntando-se a outras organiza√ß√Ķes fora do mundo do esporte para alcan√ßar esse importante marco

  • os eventos combinados com as categorias masculina e feminina do Championship Tour aumentaram de apenas quatro para nove etapas desde 2013

  • a premia√ß√£o em dinheiro nas etapas femininas do Championship Tour aumentou em 250% desde a mudan√ßa da ASP (Association of Surfing Professionals) para World Surf League em 2013 e 38% por evento desde o ano passado

  • para 2019, est√£o programados 64 eventos femininos globais, contra apenas 14 realizados 7 anos atr√°s

  • o aumento de dois eventos hist√≥ricos do Big Wave Tour para as meninas em Pe¬īahi e Mavericks. Em 2016, as mulheres competiram pela primeira vez no circuito de ondas gigantes

  • nomea√ß√£o da primeira CEO feminino da WSL em 2017

  • desenvolvimento da Founders¬ī Cup, competi√ß√£o especial com os atletas representando suas regi√Ķes, com v√°rias equipes lideradas por capit√£es do sexo feminino
World Surf League
Download it for free on the App store. Download it for free on Google Play.
Download
Download