WSL / Matt Dunbar
NewsCorona Bali Protected

Filipe e Michael são o Brasil nas quartas de final em Bali

O paulista Filipe Toledo e o cearense Michael Rodrigues são a esperança do bicampeonato do Brasil no Corona Bali Protected na Indonésia. No ano passado, o campeão foi o potiguar Italo Ferreira, que já perdeu na terceira fase no evento marcado por muitas "zebras". Dos surfistas que estavam entre os top-10 do ranking, só restaram Filipe Toledo, Kolohe Andino e Kanoa Igarashi. Na segunda-feira de boas ondas de 4-6 pés em Keramas, Michael despachou o vice-campeão mundial Julian Wilson e vai disputar a primeira vaga para as semifinais com outro australiano, Wade Carmichael. Já Filipe vem confirmando o favoritismo fazendo os recordes de cada dia e seu próximo adversário é o onze vezes campeão mundial Kelly Slater.

BALI, INDONESIA - MAY 20: Filipe Toledo of Brazil advances to the quarter finals of the 2019 Corona Bali Protected after winning Heat 5 of Round 4 at Keramas on May 20, 2019 in Bali, Indonesia. (Photo by Matt Dunbar/WSL via Getty Images)(Photo by Matt Dun Filipe Toledo WSL / Matt Dunbar

Na segunda-feira, Filipe mostrou toda a versatilidade do seu surfe progressivo, usando algumas armas do seu vasto repertório de manobras modernas e inovadoras nas direitas perfeitas de Keramas. Em uma delas, atacou forte os pontos críticos da onda e completou dois aéreos para arrancar a maior nota do dia, 8,60.

A seguinte foi boa também e valeu 7,33 para fazer a maior somatória da segunda-feira, 15,93 pontos contra 13,47 do australiano Ryan Callinan. Os dois tinham chances de tirar a lycra amarela do Jeep Leaderboard do havaiano John John Florence em Bali e Filipe consegue isso se chegar na final, ou seja, tem que passar por Kelly Slater e depois pelas semifinais.

BALI, INDONESIA - MAY 20: 11-time WSL Champion Kelly Slater of the United States advances to the quarter finals of the 2019 Corona Bali Protected after winning Heat 6 of Round 4 at Keramas on May 20, 2019 in Bali, Indonesia. (Photo by Matt Dunbar/WSL via Kelly Slater WSL / Matt Dunbar

"Estou muito feliz por ter passado para a próxima fase, pois tenho uma grande oportunidade para chegar na primeira posição do ranking aqui", disse Filipe Toledo. "As ondas estavam muito boas hoje (segunda-feira), lisinhas, minhas pranchas estão boas também e estou me sentindo muito bem. Minha família está aqui comigo, alguns amigos de Ubatuba também e vamos em frente para a próxima".

Antes de Filipe derrotar o australiano Ryan Callinan, o cearense Michael Rodrigues já tinha passado pelo vice-campeão mundial Julian Wilson na bateria que abriu as oitavas de final. Ele não deu qualquer chance para o australiano e confirmou a vitória com a nota 7,00 da sua última onda. Com ela, fechou o placar com uma larga vantagem de 13,67 a 6,77 pontos.

BALI, INDONESIA - MAY 20: Michael Rodrigues of Brazil advances to the quarter finals of the 2019 Corona Bali Protected after winning Heat 1 of Round 4 at Keramas on May 20, 2019 in Bali, Indonesia. (Photo by Damea Dorsey/WSL via Getty Images) Michael Rodrigues WSL / Damea Dorsey

"O Julian (Wilson) é um dos meus surfistas favoritos, então era uma bateria muito importante para mim e estou feliz por conseguir vencê-lo aqui", disse Michael Rodrigues. "Estou me sentindo muito bem nessas ondas e é muito bom voltar a disputar as quartas de final. Eu estou me divertindo bastante aqui em Bali, surfando, comendo bem, com meus amigos, então está tudo muito bom. Eu procurei fazer o meu trabalho bem feito hoje (segunda-feira) e estou feliz por continuar no evento".

Michael Rodrigues agora vai enfrentar outro australiano na abertura das quartas de final, Wade Carmichael, que fez uma grande apresentação contra o francês Joan Duru na segunda-feira. Ele somou notas 8,50 e 7,00 na vitória por 15,50 a 13,87 pontos sobre o algoz do atual líder do ranking, John John Florence. Esta foi uma das muitas "zebras" da etapa da Indonésia e a segunda-feira já começou assim, com o italiano Leonardo Fioravanti derrotando o bicampeão mundial Gabriel Medina por 12,73 a 11,00 pontos no primeiro duelo do dia.

BALI, INDONESIA - MAY 20: Two-time WSL Champion Gabriel Medina of Brazil is eliminated from the 2019 Corona Bali Protected with an equal 17th finish after placing second in Heat 13 of Round 3 at Keramas on May 20, 2019 in Bali, Indonesia. (Photo by Matt D Gabriel Medina WSL / Matt Dunbar

ZEBRAS EM BALI - Medina tinha chances matemáticas de assumir a liderança na corrida pelo título mundial de 2019 em Bali, porém terminou em 17.o lugar e já caiu da quinta para a oitava posição no ranking. Ainda pelas baterias restantes da terceira fase que ficaram para abrir a segunda-feira, outra grande surpresa foi a vitória do brasileiro Jessé Mendes sobre o número 3 do Jeep Leaderboard, Jordy Smith, na disputa pela última vaga para as oitavas de final.

O paulista despachou o sul-africano por 11,20 a 10,33, mas depois não conseguiu achar boas ondas no último confronto do dia, sendo eliminado por uma grande diferença de 15,66 a 5,86 por Kanoa Igarashi. O japonês já tinha surfado muito bem nas direitas de Keramas contra o paranaense Peterson Crisanto pela manhã, derrotando-o por 13,90 a 7,60 pontos.

BALI, INDONESIA - MAY 20: Julian Wilson of Australia is eliminated from the 2019 Corona Bali Protected with an equal 9th finish after placing second in Heat 1 of Round 4 at Keramas on May 20, 2019 in Bali, Indonesia. (Photo by Matt Dunbar/WSL via Getty Im Julian Wilson WSL / Matt Dunbar

Nas oitavas de final, além da vitória de Michael Rodrigues sobre o vice-campeão mundial Julian Wilson, outro resultado que pode se considerar como "zebra" no momento, foi o do Kelly Slater contra o taitiano Michel Bourez, vice-campeão do Corona Bali Protected na final do ano passado com o potiguar Italo Ferreira. Foi por pouco, 14,46 a 14,27 pontos para o onze vezes campeão mundial, que vai enfrentar Filipe Toledo nas quartas de final.

World Surf League
Download it for free on the App store. Download it for free on Google Play.
Download
Download