WSL / Nicolaz Diaz
NewsHeroes de Mayo Iquique Pro Junior

Definidos os finalistas do Pro Junior no Héroes de Mayo Iquique Pro no Chile

Os primeiros finalistas do Héroes de Mayo Iquique Pro já foram decididos na sexta-feira no Chile. Foi um dia exclusivo para os surfistas com até 18 anos de idade competirem na categoria Pro Junior e o destaque do dia foi o catarinense Leo Casal, que bateu todos os recordes da semana com a nota 8,17 e os 14,84 pontos que totalizou, com seu ataque de backside nas direitas de La Punta. Ele vai disputar a liderança na corrida pelo título sul-americano na final catarinense com Lucas Vicente, que pode atingir um feito inédito, de sair de Iquique na frente dos dois rankings da WSL South America, da categoria profissional e do Pro Junior. A peruana Daniela Rosas também pode conseguir isso, se ganhar a final da melhor surfista da semana entre as meninas, a havaiana Gabriela Bryan. Os títulos serão decididos no domingo e no sábado serão definidos os semifinalistas do QS 3000 masculino e do QS 1500 feminino.

Gabriela Bryan - Heroes De Mayo Iquique Pro Gabriela Bryan WSL / Nicolaz Diaz

A primeira final do Héroes de Mayo Iquique Pro a ser formada na sexta-feira foi a do Pro Junior feminino. A havaiana Gabriela Bryan aumentou seus próprios recordes entre as meninas, para nota 7,00 e 13,43 pontos, logo na primeira bateria que disputou nas pequenas ondas de La Punta. Depois, derrotou a atual bicampeã sul-americana Pro Junior da WSL South America nas semifinais, com a peruana Sol Aguirre terminando em terceiro lugar no Chile.

"Eu disputei muitas baterias nos últimos dias e sinto que surfei bem em todas, então agora que cheguei na final, vou dar meu máximo porque quero ganhar o campeonato", disse Gabriela Bryan. "O mar baixou bastante em comparação aos outros dias, pois estava bem grande no início da semana. Mas, parece que vai subir de novo e estarei preparada. Eu vim do Havaí até aqui com o objetivo de ganhar, então estou bem feliz agora, por ter chegado na final".

Daniela Rosas - Heroes De Mayo Iquique Pro Daniela Rosas WSL / Nicolaz Diaz

A outra semifinal foi um desafio entre as líderes dos rankings sul-americanos da WSL South America, entre a do Pro Junior, Tainá Hinckel, com a da categoria profissional, Daniela Rosas. Foi uma bateria fraca de ondas, mas a peruana não desperdiçou as poucas chances que teve para surfar e ganhou da brasileira por 8,70 a 7,67 pontos. Caso consiga derrotar pela primeira vez a invicta em Iquique esse ano, Gabriela Bryan, Daniela Rosas passa a dividir a liderança do Pro Junior com Tainá Hinckel e ela já está na frente do ranking principal da WSL South America.

"Estou superfeliz, porque na verdade minha meta era chegar na final, então agora quero ganhar de qualquer maneira", disse Daniela Rosas. "Eu vou entrar superfocada na final e espero conseguir sair daqui liderando os dois rankings sul-americanos. As ondas estão bem pequenas hoje (sexta-feira), ficou muito difícil de achar boas ondas, mas surfei o que precisava pra ir pra final. Daqui de Iquique, vou para o Brasil competir lá no Ceará semana que vem, porque quero me classificar para o Mundial Pro Junior de qualquer jeito esse ano".

Lucas Vicente - Heroes De Mayo Iquique Pro Lucas Vicente WSL / Nicolaz Diaz

PRO JUNIOR MASCULINO - Na categoria masculina, a disputa também está acirrada e a liderança do ranking será decidida na grande final do Héroes de Mayo Iquique Pro, entre os catarinenses Lucas Vicente e Leo Casal. Quem vencer, supera a pontuação do paulista Daniel Adisaka, que foi barrado em um dos confrontos diretos pela ponta na sexta-feira. Foi quando Leo Casal registrou novos recordes para as quatro competições que estão sendo disputadas nesta semana no pointbreak de direitas de La Punta.

Ele mostrou um backside poderoso, usando muita força nas manobras para arrancar a maior nota entre todos os mais de 200 surfistas de 20 países que competiram em Iquique. Com o 8,17 recebido, atingiu o maior placar do campeonato, 14,84 pontos. O chileno Noel De La Torre já tinha feito a maior nota do dia, 7,17, no início da bateria, mas no final foi ultrapassado pelo saquaremense Daniel Templar e acabou eliminado junto com Daniel Adisaka.

Leo Casal - Heroes De Mayo Iquique Pro Leo Casal WSL / Nicolaz Diaz

João Chianca chegou no Chile em terceiro lugar no ranking e poderia assumir a ponta se passasse para a final, mas Leo Casal fez outra grande apresentação para chegar em sua primeira decisão de título na categoria Pro Junior. Ele não competiu na primeira etapa no Rio de Janeiro, porque estava se recuperando de um corte no pé que o afastou das ondas por dois meses. Retornou agora e com força total, como recordista absoluto em Iquique.

"Estou muito feliz, porque vim pra cá com uma expectativa grande de dar a volta por cima, pois tinha me machucado (corte no pé) e fiquei 2 meses sem surfar, então tô vivendo um sonho em chegar na final", disse Leo Casal. "Aqui tem altas ondas, o campeonato está animal e eu vim crescendo no evento a cada bateria, tanto nas notas, como de motivação e confiança no meu surfe. Foi isso que me fez chegar aqui e quero soltar o surfe na final pra ganhar o campeonato. Estou com meu pai aqui, então agora é relaxar para vir com tudo no domingo".

Radziunas Franco - Heroes De Mayo Iquique Pro Radziunas Franco WSL / Nicolaz Diaz

LIDERANÇA DUPLA - Na outra semifinal, que fechou a sexta-feira no Chile, Lucas Vicente despachou o último surfista de outro continente que ainda estava na competição. Ele já havia eliminado o taitiano Kauli Vaast, junto com o argentino Franco Radziunas, no confronto anterior e escolheu as melhores ondas para ganhar a vaga na final do norte-americano Nick Marshall, por 10,37 a 9,00 pontos. Lucas tem apenas 17 anos, já está na frente do ranking profissional da WSL South America, que computa os resultados das etapas do WSL Qualifying Series no continente, agora pode também liderar o da sua categoria, Pro Junior.

"Estou bem feliz com o dia de hoje. Um pouco cansado porque competi bastante, mas vim para cá com o objetivo de vencer no Pro Junior pra me recuperar do mau resultado no Rio de Janeiro e o primeiro passo foi dado, que era chegar na final", disse Lucas Vicente. "O mar diminuiu bastante hoje (sexta-feira), as ondas demorando pra entrar, mas tive sangue frio de esperar pra escolher as melhores na hora certa, pra passar as baterias. Vai ser irado fazer a final com o Leo (Casal), que é de Florianópolis (SC) como eu. Já competimos bastante lá, mas vou dar o meu melhor, porque soube aqui que essa bateria decide o líder do ranking e esse é o meu objetivo, de quem sabe, ficar na frente dos dois rankings sul-americanos, o que ninguém conseguiu ainda. Pode ser uma coisa inédita e estou muito feliz por estar quase chegando lá".

Taina Hinckel - Heroes De Mayo Iquique Pro Taina Hinckel WSL / Nicolaz Diaz

O Héroes de Mayo Iquique Pro está sendo transmitido ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e neste sábado só serão disputadas baterias do QS 3000 masculino e do QS 1500 feminino a partir das 8h00 no Chile. Para o domingo, a programação é começar o dia com as semifinais das etapas do QS, para depois rolarem as quatro decisões de títulos.

World Surf League
Download it for free on the App store. Download it for free on Google Play.
Download
Download