WSL / Ed Sloane
NewsOi Hang Loose Pro ContestFilipe Toledo

Filipe Toledo confirma presença no Elétron Energy apresenta Oi Hang Loose Pro Contest em Noronha

Em 2009 ele estreava no Circuito Mundial de Surf justamente nesse evento, em Fernando de Noronha, então com apenas 13 anos. Foi, inclusive, o surfista mais jovem da história da competição a vencer uma bateria. Agora, em 2020, Filipe Toledo está de volta à Ilha para ser uma das grandes estrelas do Elétron Energy apresenta Oi Hang Loose Pro Contest, que tem início na próxima terça-feira (11).

OAHU, UNITED STATES - DECEMBER 8: WSL World Title contender Filipe Toledo answering questions at the 2019 Billabong Pipe Masters press session on December 8, 2019 in Oahu, United States. (Photo by Ed Sloane/WSL via Getty Images) Filipe Toledo WSL / Ed Sloane

A etapa do WSL Qualifying Series (QS) status 5000 abre o calendário da América Latina na Praia da Cacimba do Padre, reunindo surfistas de 18 países e o atual top 4 do World Surf League Championship Tour (CT) chega para reviver seu início de trajetória, tentar repetir bons momentos que já teve e iniciar a temporada em ondas perfeitas. Desde de 2009 até hoje, foram só duas participações no evento na Ilha e Filipinho foi o 17º colocado na estreia e depois ficou em 25º lugar em 2012.

"Começar a o ano competindo em Noronha vai ser bem legal. É um lugar especial para mim, onde comecei a minha carreira no cenário mundial de surf e acho que vai ser um ótimo treino, se as ondas aparecerem. Pode ser uma ótima preparação para ondas tubulares e começar o ano bem no rip de competição", comenta o surfista.

OAHU, UNITED STATES - DECEMBER 11: Filipe Toledo of Brazil is eliminated from the 2019 Billabong Pipe Masters with an equal 17th finish after placing second in Heat 5 of Round 3 at Pipeline on December 11, 2019 in Oahu, United States. (Photo by Ed Sloane/ Filipe Toledo WSL / Ed Sloane

O foco de Filipe está no início do CT em março na Austrália, mas ele avisa que a vitória está nos planos. "Vou me divertir, em primeiro lugar de tudo. É um campeonato sem pressão para mim, então vou curtir, aproveitar, mas claro sempre vou buscar a vitória", anuncia.

"Gosto muito da Cacimba, uma onda perto, tubular, boa para aéreo também. Então, de alguma forma, deve se encaixar no meu surf", acrescenta o atleta, que nasceu em 1995, ano que seu pai, Ricardinho Toledo, venceu uma etapa do QS justamente na ilha de Fernando de Noronha e foi bicampeão brasileiro.

Para Filipinho, a melhor lembrança de Noronha é justamente a estreia no Circuito Mundial em 2009. "Passei algumas baterias, ganhei de alguns atletas de nível mundial e foi meu primeiro QS na verdade. É uma recordação que vai ficar para sempre", conta o surfista, que está com 24 anos.

PENICHE, PORTUGAL - OCTOBER 26: Filipe Toledo of Brazil is eliminated from the 2019 MEO Rip Curl Pro Portugal with an equal 5th finish after placing second in Quarter Final Heat 2 at Supertubos on October 26, 2019 in Peniche, Portugal. (Photo by Damien Po Filipe Toledo WSL / Damien Poullenot

Além do excelente treino e de poder competir no Brasil, numa onda de qualidade, o atleta quer valorizar a participação da Oi, sua patrocinadora, como ‘naming right' da etapa, desde o ano passado, quando voltou a ser realizada em Noronha, depois de sete anos de ausência na Ilha. "É muito legal poder fazer parte de um evento que o meu patrocinador está ajudando a realizar e poder representar da melhor forma", diz.

"Tenho de agradecer a Oi por dar todo o suporte e fazer um campeonato lindo num lugar maravilhoso", reforça Filipe, que também lembra sua história com a Hang Loose, marca que patrocina o Circuito Paulista de Base há 26 anos e onde começou a competir com apenas seis anos de idade.

Em 2019, Filipe Toledo disputou o título mundial até a etapa final, em Pipeline, no Havaí, terminando na quarta colocação do ranking. Ele já iniciou a pré-temporada, de olho na estreia na etapa da Gold Coast, Austrália, no final de março. "Estou indo com tudo, muito focado e espero que eu possa estar lá brigando mais uma vez", falou o atleta, que atualmente mora em San Clemente, Califórnia/EUA e esteve em sua cidade natal para inaugurar a loja com seu nome, a Filipe Toledo Surf Store, na Praia Grande.

MARGARET RIVER, WESTERN AUSTRALIA - JUNE 1: Filipe Toledo of Brazil is eliminated from the 2019 Margaret River Pro with an equal 17th finish after placing second in Heat 9 of Round 3 at The Box on June 1, 2019 in Margaret River, Western Australia. (Photo Filipe Toledo WSL / Kelly Cestari

Além de Filipinho, o Elétron Energy apresenta Oi Hang Loose Pro Contest terá outros atletas do CT, como Jadson André e Yago Dora, campeão e vice da etapa no ano passado, e Miguel Pupo, vencedor em 2012. O primeiro colocado no evento, que segue até domingo (16) receberá US$ 15 mil, de um total de US$ 100 mil de premiação.

O Elétron Energy apresenta Oi Hang Loose Pro Contest é uma realização da World Surf League (WSL) com patrocínios da Oi e Elétron Energy, através da Lei de Incentivo ao Esporte, do Governo de Pernambuco, tendo como proponente o Instituto Incentiva, e da Hang Loose.

World Surf League
Download it for free on the App store. Download it for free on Google Play.
Download
Download